Impõe-se um retiro…

Enquanto se esperam as medidas prenunciadas do ME, as conversas de corredor evidenciam muita esperança e uma vontade enorme de deslocar o diapasão do trabalho do professor para o trabalho dos e com os alunos. Esta é a boa notícia!

A má notícia realça uma característica da cultura escolar que é independente da personagem que governe o ME: para o bem e para o mal, os muros das escolas são uma verdadeira peneira das políticas centrais. Atente-se ao modo diverso como as escolas lidaram com as políticas iníquas de MLRodrigues e IAlçada. A questão que importa responder na escola situada é muito simples e até pode ser contestada em abstracto, sem precisar de uma medida governativa como indutora da reflexão:

Como obstar a que as lideranças nas escolas premiem o “facilitismo” e o “demérito”?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: