Pragmatismo ou quem cala consente?

A avaliação de desempenho, embora obedecendo a um modelo que eu considero errado, está a fazer-se em todo o lado sem contestação.

Este pedaço de prosa do Ramiro, um blogger bem posicionado para aferir os dilemas socioprofissionais dos professores, é demonstrativo da extraordinária distância que separa o olhar exógeno da escola situada. Não havendo sinais de contestação, pode inferir-se que o modelo foi aceite tacitamente pelos professores?

Não! É evidente que não. Não direi que todos os professores são capazes de interpretar a situação política à luz das projecções eleitorais. Mas não sejamos ingénuos a ponto de considerar que quem cala consente, Ramiro.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: