Já há metas?!

Sempre houve metas de aprendizagem. Um professor que não se limita a programar as suas actividades lectivas pela cartilha do manual escolar, que disseca os programas nacionais para definir prioridades na selecção das matérias de ensino, dispensará esta pseudo articulação vertical cuja aplicabilidade é, evidentemente, facultativa.

Com esta prescrição inócua, o ME acabou de passar mais um atestado de menoridade aos professores.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: