Movimentos desconcertantes.

A não ser que os dirigentes da APEDE, MUP e PROmova se representem a si próprios, ou que os referidos movimentos representem um pouco mais de meia dúzia de professores, não entendo o ponto 5 do seu comunicado, onde se lê:

5. a marcação desta greve foi, mais uma vez, decidida pelas cúpulas sindicais e à revelia da auscultação da vontade dos professores.

Não quero acreditar que a não adesão à greve tenha sido decidida pelas cúpulas dos movimentos e à revelia da auscultação da vontade dos professores. Querem ver que o Alzheimer já me apanhou ao virar da esquina?…

Quanto aos restantes pontos do comunicado, não há muito que comentar. A não ser a óbvia contradição de quem, não sendo responsável pelo acordo (logo, não estaria vinculado aos termos desse acordo) e que até “considera a justeza da greve para muitos funcionários públicos” e não existindo “qualquer discordância de fundo com a maioria das razões invocadas para a justificação da mesma”, decide não alinhar.

Vamos lá admitir que é desagradável não ter agenda, ou que a agenda passa por contestar a agenda sindical, ou que a agenda é a agenda do “não vai dar certo” porque queremos ganhar espaço a qualquer preço.

Anúncios

9 thoughts on “Movimentos desconcertantes.

  1. Paulo G. Trilho Prudêncio 01/03/2010 às 19:58 Reply

    Viva Miguel.

    Fizeste-me rir :).

    Quando li teu texto sobre a greve, fui pensando: não adere. Mas no fim li o contrário.

    Ok; com os de Cleveland posso continuar descansado 🙂

    Abraço.

    • Miguel Pinto 01/03/2010 às 20:21 Reply

      Viva Paulo.
      Terá sido um texto à LeBron: Só o final das jogadas é previsível (bola no cesto),… o começo nem por isso! 😉
      Quanto aos Cavs, olha que a máquina pode voltar a carburar… porque motor não lhe falta.
      Abraço.

      • Paulo G. Trilho Prudêncio 01/03/2010 às 23:25 Reply

        Oh Miguel,

        deus te ouça 🙂 🙂 a sério; até vos deixamos ganhar dois jogos na final 🙂

        Abraço.

  2. fjsantos 01/03/2010 às 20:00 Reply

    Miguel,
    estás a ser demasiado “contundente” para quem tanto deu às causas dos professores.
    Queres apostar, singelo contra dobrado, que este comunicado vai fazer 1ª página de muito jornal de referência já amanhã? 🙂

    • Miguel Pinto 01/03/2010 às 20:24 Reply

      Francisco,
      Não me surpreendo com o destaque da comunicação social que tem sido… amigável com os movimentos. Tivessem os sindicatos esse apêndice… 🙂

  3. […] Como o meu ponto já aí ficou marcado, limito-me agora a dar concordância total ao que o Miguel Pinto escreveu no seu blogue. […]

  4. Francisco Trindade 02/03/2010 às 09:38 Reply

    Sobre a greve do dia 4 de Março

    Comentário meu:

    O que é triste não é a figura que os sindicatos de professores estão, mais uma vez a fazer, no seguimento de indicações partidárias pois claro, no tratamento que fazem das suas bases e dos professores em geral.
    O que é mesmo triste, para mim, foi a atitude tolerante que os movimentos tiveram, na maior parte dos casos em relação aos sindicatos durante os últimos dois anos, defendendo a tese de que o fundamental mesmo era a união de todos os professores custe o que custasse, em vez dos movimentos de professores serem algo de emancipador e de novo em relação justamente aos sindicatos…
    O resultado está à vista.
    E infelizmente estou convencido do seguinte: a recuperação do tempo perdido é impossível!…

    • Miguel Pinto 02/03/2010 às 17:17 Reply

      Francisco.
      Percebo a tua tristeza por sentires que os acontecimentos não seguem o destino que imaginaste.

  5. […] Ninguém entendeu o comunicado dos movimentos. 02/03/2010 at 7:43 PM | In Nem ao diabo lembra, Provocação, Resistência, Sindicatos | Leave a Comment Levo muito a sério o comunicado dos movimentos independentes de professores, APEDE, MUP e PROmova, a demarcarem-se da greve de professores agendada pelos sindicatos para o próximo dia 4 de Março, a que fiz referência mais em baixo. […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: