Excelente notícia para Alegre

O secretário de Estado do Emprego, Valter Lemos, não apoia a candidatura de Manuel Alegre à Presidência da República e garante que será «objector de consciência» se o PS o apoiar. (Sol)

Atente-se no brilhante argumento:

Valter Lemos disse à Lusa que «Manuel Alegre nunca foi primeiro-ministro, nem sequer ministro ou presidente de câmara, ao contrário de todos os outros presidentes da República que tivemos». (Sol)

Eu acrescento, sr. Lemos: Que grande atrevimento candidatar-se sabendo que nunca foi presidente da junta de freguesia, ou presidente dos alcoólicos anónimos, ou presidente do FCPorto, ou secretário de estado do emprego. Vejam só o descaramento de Alegre…

Valter Lemos está muito enganado. Nós, eleitores, é que deveríamos invocar a objecção de consciência enquanto houvesse um Lemos a gravitar na política.