Em busca de um templo perdido

O Conselho das Escolas reúne esta segunda-feira, na Maia, cerca de 700 pessoas, entre especialistas em políticas educativas e directores escolares, para debater a autonomia das escolas e as lideranças necessárias a uma escola melhor na próxima década.

[…] Autonomia e liderança são os dois temas centrais do debate e segundo Álvaro Almeida dos Santos, há estudos que apontam a liderança como o segundo factor mais importante na escola, a seguir ao clima na sala de aula. (Diário Digital)

Sem discordar, devo acrescentar às declarações de Álvaro Almeida: mudar a prática é, antes de mais, um problema de aprendizagem, e não um problema de organização.

O foco aglutinador da mudança, dentro das relações colegiais na escola, deve ser a prática docente do dia-a-dia (Antonio Bolívar). Reúna-se o conselho de escolas. Reúnam-se os directores escolares para buscar o templo perdido…