As escolas vão pensar

Pais apelam a escolas que boicotem editora que admite aumentar manuais escolares.
[…] Albino Almeida sugeriu ainda, em declarações, que as escolas «pensem se querem continuar a usar livros da Leya».

Presumo que AA considere legítimo sugerir (e não seria ele a fazê-lo, obviamente) às escolas para que pensem se querem continuar a ser governadas pelo partido político que mais contribuiu para a degradação da escola pública.

hummm… bem, se isto não é um apelo à subversão, eu sou o pai natal. Valha-me Deus!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s