Faz-de-conta que apreciamos o mérito…

Ministério vai abrir concurso extraordinário para titulares.

Se a própria ministra reconheceu, no programa Prós e Contras, que o 1º concurso de professores titulares não aferiu o mérito porque não houve avaliação, então por que razão insistir num novo concurso, igualmente iníquo, para repescar os professores do 10º escalão não seleccionados no 1º concurso?

É evidente que o ME não pretende avaliar a competência dos avaliadores nem aferir a qualidade de coisa alguma. Importa unicamente resolver o problema da falta de avaliadores a custo zero. Não é estranho que o ME, um verdadeiro arauto da meritocracia, relegue a avaliação para um plano secundário quando se trata de cortar nos custos?

O verdadeiro artista…

O “solidário” e cada vez mais solitário Valter Lemos…

O inenarrável Valter Lemos terá considerado que a actuação de Ana Benavente nos governos de Guterres “resultou nos piores resultados escolares da Europa” em matéria de sucesso escolar…
Lembrai-vos ainda, por acaso, de que Ministro da Educação era Ana Benavente… Secretária de Estado? Exactamente: Augusto Santos Silva (o actual titular da pasta dos Assuntos Parlamentares). E sabeis quem era também ministro do agora tão execrado Guterres? Exactamente, José Sócrates, o actual primeiro-ministro.
Em matéria de solidariedade política e partidária, Valter Lemos deu um tiro no pé. Tanta burrice junta, em tempo de crise, nunca se viu!…
Talvez esteja a preparar-se para regressar ao CDS…” (abnoxio)

Ok… já parei de rir!
___________
PS: A figura foi desenhada pelo Antero