Demagogia…

“O teste final deste Plano de Acção é a realização dos exames deste ano. Pela primeira vez, a esses resultados o país não associará apenas o desempenho dos alunos, mas também das escolas e dos professores, para o melhor e para o pior”, avisou a ministra, perante uma plateia constituída por dezenas de docentes, na cerimónia destinada a assinalar o primeiro ano deste programa.

O tom persecutório que se infere desta declaração é intolerável e não atinge apenas os professores de Matemática. É ofensivo para toda a classe qualquer tentativa de transferência da culpa de pretensos insucessos escolares dos alunos para os professores. É acima de tudo um problema ético mal resolvido pretender avaliar professores utilizando como referencial os resultados dos alunos. Mas o que me impressiona nestas declarações não é a notória falta de clarividência e de solidariedade institucional [no mínimo, esperar-se-ia que a tutela assumisse publicamente a sua cota parte de responsabilidade pelos resultados]. O que me impressiona verdadeiramente é a tentativa de mistificação das medidas ministeriais: como se os produtos dos ideólogos do ME fossem irrefutáveis!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s