Diplomocracia *

– Estes cursos [CEF´s e profissionais] existem para facilitar a vida aos alunos… eles não andam a fazer nada na escola e sempre podem sair com um curso na mão…
– E a leitura, a escrita,…?
– Bemm… (sussurrando) estão no… 6º ano!?
– Ahh… então vão ficar com um diploma do 9º ano?
– E depois?… eles até poderão vir a ser bons técnicos…
– E por que razão não ficam com o diploma do 6º ano… e um certificado profissional do 9º ano?
– ?

* “Desde há longo tempo que o diploma é (ou é suposto ser) o sinal do saber, que abre as portas do emprego e do prestígio social. O que interessa, na tradição social portuguesa, não é o que se sabe mas o que se aparenta saber. O que interessa não é o saber fazer, não é a adequação desse saber fazer às necessidades empresariais. O que interessa é o diploma.” [continuar a ler aqui… no blogue do JMatias Alves]