Da titularidade ou da suplência?

No portão da entrada, uma pequena multidão rodeava a ambulância do INEM. Custou a acreditar mas foi verdade: Uma cena de divórcio litigioso; uma troca de palavras que acabou num ajustar de contas; uma agressão gratuita e cobarde; uma mãe atacada pelo pai, presenciada pela filha e por alguns colegas que regressavam do almoço…
A aluna vagueou alguns minutos perdida e apavorada à procura de um buraco para se esconder…
Que quadro macabro!
Amanhã, a escola procurará reparar o irremediável… obviamente!