(De)Missões…

“A escola está sufocada por um excesso de missões. Importa recentrá-la na sua função primordial”. António Nóvoa [Cerimónia de apresentação do debate nacional sobre educação, que decorreu na Assembleia da República (22/05/2006)]

O quadro de missões que a escola tem desempenhado é evolutivo. A imagem que cada época tem da escola é igualmente evolutiva. Hoje, a escola desempenha funções diversificadas que a fazem perder eficácia e lhe coloca dificuldades em responder equilibrada e adequadamente a esse leque de funções: A função pessoal, a função social, a função cívica, a função profissional, a função cultural, a função de suplência da família, são as principais funções requeridas à escola.

Onde cortar? Sim, se há um excesso de missões, vamos definir claramente um modelo funcional de escola.
Vamos reduzir? Em quê?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s