Maré-cheia na escola.

Que a Dra. Seabra ande sumida, até compreendo. O ministério que dirige encontra-se ainda em fase de balanço. Na verdade, não é fácil descobrir coerência na política educativa herdada da equipa do Dr. Just… até me custa a pronunciar este nome. Receio que essa busca se prolongue até ao final do mandato.

Mas, o que é difícil de perceber é a ausência dos companheiros residentes. Espero que as intercalares não tenham causado danos irreversíveis n(d)a escola do Manuel. Quem tem andado fugitivo é o RJB da Educação accionária. Neste caso, ainda não descortinei se o encerramento é definitivo ou temporário. O André Pacheco parece ter perdido o alento já que mantém o seu Educa Portugal silencioso.

O plantel da Escola está em crescendo e só aceitamos baixas por motivos de força maior. Por isso, atrevam-se a desistir…